09/09/2012 16h34
eu

 

 
 

eu,eu,eu,eu.....


Rosa Pena


Não aprecio aqueles que para valerem os seus direitos usam até de violência. O motorista que se o sinal estiver aberto pra ele, atira o carro no transeunte para mostrar que ele está com a razão. O inflexível na fila com um carrinho lotado que não deixa a moça com só um artigo passar, pois ela que vá para a caixa de poucos volumes. Na sala de espera do doutor o senhor com o rosto contorcido de dor tem que aguardar, pois a vez é da senhorita executiva que não pode perder um segundo. Aqui caberiam mil exemplos do “Eu estou correto, logo não abro mão de nada”, ainda que esse tipo de atitude sacrifique uma sociedade que poderia ser mais entrosada, atuante e menos agressiva.

Não tenho nada contra os direitos de cada um em si, mas a sua execução nas mãos de gente mesquinha é uma faca afiada. Nada de concessões absurdas, mas vale lembrar o jeito debilitado de nossa vidinha por conta de uma altivez medíocre, que em vez de fazer valer à vera os direitos dos cidadãos, desmorona os princípios de coletividade.

 


Publicado por Rosa Pena em 09/09/2012 às 16h34
Copyright © 2012. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
20/07/2012 15h34
**

 

Enleios


Rosa Pena

 



Beijo surpresa, sopa no inverno, sax, dormir de tarde, criança pequena dobrando o riso, filhotes de Labrador, Chico Buarque, cheiro de tempero de feijão, toalha de banho branca, rir de bobeira, guaraná com pipoca, Beatles, empada de camarão, tomar banho com água bem quente, fazer alguém feliz sem nenhuma outra finalidade que não seja a alegria de um beijo surpresa, sopa no inverno, sax, dormir de tarde, criança pequena dobrando o riso, filhotes de Labrador, Chico Buarque, cheiro de tempero de feijão, toalha de banho branca, rir de bobeira, guaraná com pipoca, Beatles, empada de camarão, tomar banho com água bem quente, fazer alguém feliz...



(tela:Gustav Klimt, pintor austríaco)


Publicado por Rosa Pena em 20/07/2012 às 15h34
Copyright © 2012. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
04/07/2012 14h53
Leão na Lua

 

 

Leão na Lua


Rosa Pena


Para Rodrigo de Souza Leão 



O fato, mais simples, mais correto é que você faz uma falta danada, cria um vazio sem lógica. Algum tem? Uma lacuna indefinível e eterna, um vácuo no planeta por conta de mais uma estrela no céu.


Essa ausência deveria me levar a esquecer como era a sua presença! Mas não, existem seus versos, seus quadros, seus livros que não permitem que você vire memória, e provoca isso: Essa falta ampla que rouba o momento cada vez que alguém fala seu nome.

Essa falta que abre uma racha no tempo, que interrompe os rumores do mundo, que modifica as fases da Lua, que agora tem um leão no lugar de São Jorge e que dá ao luar um brilho azul. Brinco, ao redor dele, de imaginar que você não se foi. Assim, apesar de saber que não regressa, esqueço que partiu.


Publicado por Rosa Pena em 04/07/2012 às 14h53
Copyright © 2012. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
09/06/2012 13h02
poetrix


Publicado por Rosa Pena em 09/06/2012 às 13h02
Copyright © 2012. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
15/05/2012 18h44
.

Publicado por Rosa Pena em 15/05/2012 às 18h44
Copyright © 2012. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.



Página 11 de 52 « 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 » [«anterior] [próxima»]





Site do Escritor criado por Recanto das Letras
art by kate weiss design