PONTO

Rosa Pena




Início, fim, nunca meio.
Lugar fixo, determinado.
Na costura, finaliza.
No trabalho, fiscaliza.
Na comida, avisa.
Na loteria, enriquece.
Na ciência, congela ou derrete.
No mapa, sinaliza.
Na geografia, dá direção.
Na opinião, diverge.
Ponto de transição, de ramificação.
De vista, de referência.
De cruz, de táxi, de bala.
Cardeal, cego, infinito.
Fixo, alto, baixo, central.
Cheio, colateral, final.
Tantos pontos, para
chegar ao ponto principal.
Ponto do encontro.
Nós.

2004
Rosa Pena
Enviado por Rosa Pena em 19/02/2005
Alterado em 31/10/2008
Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.





Site do Escritor criado por Recanto das Letras
art by kate weiss design