Grávida de estrelas

Rosa Pena

 
Baila comigo...
Ao som de alguma orquestra romântica das Galáxias!
Desafiamos Newton: a razão.
Viramos da tribo do Rei: a emoção.
Duo impuro no puro.
Nossos delírios na ponta dos dedos
dois pés de valsa que dançam
com cheiro verde-salsa cebolinha.
Ou qualquer outro odor maduro.
Vozes no tom do Gilberto João.
O inverso? Não rima o verso.
Desafinados ou não!
Engravido com as órbitas dos ventrículos estrelares.
No céu um novo Cruzeiro do Sul.
Formato e tamanho de um só coração.
 
Rosa Pena
Enviado por Rosa Pena em 24/07/2014
Alterado em 24/07/2014

Música: desafinado - Stan Getz

Copyright © 2014. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.





Site do Escritor criado por Recanto das Letras
art by kate weiss design