12/11/2006 10h03
"no infinito de nós dois"
Rosa Pena

para Antonio Pena


Seu amor me é servido em taça de cristal, em tempos de copo de geléia. Entre espumantes consolidamos o que fomos antes, o que tem sido nosso durante sem nos preocuparmos com o depois.

Nosso coração não tem barra de código, nossos corpos ignoram datas de validades, pois é um amor que não está em prateleiras, nunca precisou passar por controle de qualidade.Quantas vezes eu me indago como você aceita esse meu jeito tão repleto de inconstâncias.A resposta habita no espelho onde em meu reflexo vejo seus olhos e não os meus. Entre chuva e sol viro arco-íris. Você sempre o horizonte.
Nós completamos o infinito.







Feliz aniversário.

Publicado por Rosa Pena em 12/11/2006 às 10h03





Site do Escritor criado por Recanto das Letras
art by kate weiss design